Seguros devolveu à sociedade R$ 12,6 bilhões em pagamento de indenizações


15.08.2006

Seguros devolveu à sociedade R$ 12,6 bilhões em pagamento de indenizações






Seguros devolveu à sociedade R$ 12,6 bilhões em pagamento de indenizações

O segmento de Seguros devolveu à sociedade, sob forma de indenizações, R$ 12,6 bilhões no primeiro semestre do ano, segundo dados preliminares da estatística da Fenaseg divulgada hoje.

Os dados levam em conta informações da Susep e da ANS e mostram que no ano passado, no mesmo período, o montante pago em indenizações foi de R$ 11,3 bilhões, o que significa que este ano houve uma expansão de 11,6% no montante de indenizações pagas.

O ramo Automóvel lidera o ranking em volume de pagamentos, com R$ 4,1 bilhões, seguido pelas carteiras de Saúde, R$ 3,4 bilhões, e Vida, R$ 1,7 bilhão.

A sinistralidade acumulada do setor foi de 63,98%. Os ramos com maior índice foram Dpvat, 86,79%; Saúde, 85,46%; Crédito, 73,11%; e Automóvel, 64,31%.

Arrecadação – O faturamento do segmento Seguros aumentou 19,16% em comparação ao seis primeiros meses do ano passado. Os dados preliminares revelam que a arrecadação em prêmios foi de R$ 28 bilhões no primeiro semestre de 2006, contra R$ 23,5 bilhões no primeiro semestre de 2005.

No Ramo Vida, os prêmios de seguros somaram R$ 10 bilhões, 29,6% a mais do que no ano passado, quando esse montante chegou a R$ 7,7 bilhões. No mix das carteiras, Vida lidera a produção, sendo responsável por 35,82% da arrecadação do setor.

Já a carteira de Automóvel registrou expansão de 15,07% no período, saltando de R$ 5,8 bilhões para R$ 6,6 bilhões em arrecadação de prêmios, com 23,8% de participação no mix das carteiras.

O ramo Saúde, nos seis primeiros meses do ano, registrou arrecadação de R$ 4,4 bilhões, com 7,9% de variação em relação ao ano passado, quando o volume de prêmios atingiu R$ 4 bilhões e 15,72% de participação de mercado.




Data: 15.08.2006 - Fonte: Fenaseg